Categoria: TRADUÇÕES
17/01

The8, junto de artistas como Kangnam, Momo, Henry, Amber e Ten irá comparecer ao especial de ano novo lunar do programa da SBS ‘Elementary School Teacher’.

O programa será sobre idols de nacionalidades estrangeiras aprendendo, com a ajuda de professores do fundamental, sobre a cultura e língua coreana, já que o seu conhecimento se assemelha ao de um aluno do fundamental.

Além disso, o programa está sendo produzido por Kwak Seung-yeong do show de variedade ‘My Ugly Duckling.’ Em relação a escolha do elenco, o produtor disse: “Nós planejamos o programa com apenas Kangnam, e mais ninguém em mente. Nós sabíamos que dentre todos, ele seria a escolha perfeita para o programa.”

O produtor também mencionou que o programa será atraente para alunos do fundamental, já que eles terão a oportunidade de aparecer junto de idols numa formatação parecida com a escola.

Fonte: Sports Chosun MengNews

TRAD
cor/ing: ohmywonwoo
ing/pt-br: Lais – Seventeen Brasil

17/01

I.O.I irá lançar um novo single!

O grupo anunciou planos de lançar seu último single, “Downpour”. Como todos os singles anteriores, “Downpour” foi escolhida com antecedência por todas as 11 meninas e escolhido como seu último single.

Essa música será a primeira melodia triste do I.O.I, e usa o conceito de chuva para expressar a tristeza em se separarem. Porém, a música também contém uma mensagem esperançosa de que poderão se encontrar novamente.

I.O.I

A letra de “Rain Shower” foi escrita por Woozi, do SEVENTEEN, que também participou na composição da música com outros três artistas.  O membro do SEVENTEEN escreveu o single na esperança de que isso criará boas memórias ao I.O.I e que elas recebam muito amor.

Enquanto isso, I.O.I estará apresentando a música “Rain Flower” em seu primeiro show solo. O single será lançado no dia 18 de janeiro, a meia noite.

Fonte: Soompi

TRAD
Lais – Seventeen Brasil

15/01

Twins?

A photo posted by BamBam(แบมแบม) (@bambam1a) on

“Gêmeos?”

TRAD
ing/pt-br: Gabi – Seventeen Brasil


11/01

Durante as gravações do One Fine Day do SEVENTEEN no ano passado (2016), Jeonghan, Joshua, Wonwoo, Seungkwan e Dino foram a ilha de Cheongsan e visitaram o Observatório Beombawi onde escreveram cartas para si mesmos, para serem entregues 1 ano depois. Estas cartas finalmente chegaram, confira:

c11kvqjusamgbcs
Para. Jeonghan
Jeonghan de um ano depois. Você acha que cresceu muito mais do que eu um ano atrás?? Eu espero que você tenha um ano sem arrependimentos. Esse é o Observatório Beombawi ㅎㅎ Essa é a paisagem!! Deixe o SEVENTEEN e o membro Jeonghan crescerem no futuro!! SEVENTEEN fighting ㅎㅎ
De. Jeonghan
c11kvquvqauhaeu
Para. Joshua
Oi, Joshua de um ano depois!!! Eu me pergunto o que você está fazendo agora. Graças ao programa de variedades no Observatório Beombawi, eu estou te enviando uma carta agora. Eu quero conseguir. Eu me amo ❤ Eu amo você.
De. Joshua
c11kvrmucaa0t91
Para. Wonwoo
Wonwoo-yah~❤ Eu espero que você se divirta com os seus membros. Vamos continuar nossos momentos bons e saudáveis em 2016 e além. Vamos! SEVENTEEN fighting!
De. Wonwoo
c11k-ifveae35yv
Para. Seungkwan
Oi, Seungkwan de um ano depois. Beombawi em Cheongsando, 2016. Você viveu bem em 2016? Eu espero que seja um ano muito feliz para você. Mesmo que seja difícil, lembre-se de hoje. Deixe o SEVENTEEN se sair bem! Eu amo meus irmãos ❤
De. Seungkwan
c11k7auukaartz4
Para. Dino
Como você está? Dino de um ano depois e meus irmãos do SEVENTEEN! Agora nós saímos de Yeoseodo e chegamos em Cheongsando para colher abalones. A paisagem aqui é a melhor ❤❤ Um ano depois, o SEVENTEEN é um artista muito bom?? ㅎㅎ Eu vou sempre trabalhar duro e ser humilde para os seus sonhos no futuro. Não esqueça que você é um cantor! Eu amo vocês, SEVENTEEN ❤ Eu amo você, Dino ❤
De. Dino
c11k_xjusaamsys
Cr. Imagens: adorable_bloom
TRAD
cor/ing: adorable_bloom
ing/pt-br: Ju – Seventeen Brasil

04/01

Fanmeeting do SEVENTEEN com a marca de perfumes ‘CLEAN’ no dia 8 de fevereiro de 2017.

Desde novembro passado, o SEVENTEEN tem recebido muito amor como embaixadores da CLEAN.
Como um evento de agradecimento aos fãs, no dia 8 de fevereiro o SEVENTEEN e a CLEAN farão um fanmeeting que inclui:
Q&A, mini-show, sorteio, hi-touch e foto comemorativa.

fonte: (1)
TRAD
cor/ing: fallinhosh
ing/pt-br: Ju – Seventeen Brasil


24/12

Entrevista da Hip Hop Unit do SEVENTEEN para a revista Dazed and Confused Korea, edição de Janeiro de 2017.


São 9h de uma segunda-feira. Durante os dois longos meses de projeto, pude me encontrar com o Performance Team e Vocal Team do SEVENTEEN em boas condições depois de dormirem, então me senti mal por não conseguir me encontrar com o Hip-hop Team nas mesmas condições. Eles provavelmente estavam cansados, então fiquei agradecido que eles tinham acordado bem.

Todos: Por mais que tenhamos feito uma transmissão musical ontem, no domingo, estamos bem, já que conseguimos dormir mais cedo do que o usual. Nós estamos em boas condições.

Isso é bom. Depois de dormir no domingo, vi o SEVENTEEN numa transmissão musical. Me senti feliz por algum motivo. Hoje marca o dia de encontro com todos os treze membros do SEVENTEEN. Parabéns pelo comeback.
Todos: Muito, muito obrigado.
SC: Nós nos preocupamos bastante antes do comeback. Preparamos uma performance que é levemente diferente dos nossos álbuns antigos, então nos preocupávamos se nossos fãs, ‘Carats’, iriam gostar. Porém, todos mostraram muito amor por ela, então estou muito grato e feliz.

As transmissões musicais parecem começar mais cedo agora. Que horas vocês acordam?
SC: Acho que acordei às 3h da manhã ontem. Fizemos as pré-gravações às 7h, tivemos alguns compromissos e terminamos com a transmissão ao meio dia. E tivemos o fansign em seguida. Mas, incrivelmente, não nos sentimos nem um pouco cansados.

Durante esses três meses, eu senti que os líderes de cada unit, Hoshi e Woozi, deixaram uma grande impressão em mim. Agora posso conhecer o líder da Hip Hop Unit do SEVENTEEN, assim como o mais velho hyung dos treze membros, S. Coups. Você parece alguém com quem os outros podem contar.
SC: Ser líder de treze membros parecia um grande fardo, mas agora me sinto confortável. Eu vejo isso como ser apenas um hyung ou amigo. Já que todo mundo se dá bem por contra própria, eu não me preocupo muito. Sou muito grato.
MG: A consideração do Coups hyung pelas pessoas é realmente a melhor. Você vai ser capaz de experienciar o melhor em ser considerado hoje (risos).

Uma semana se passou desde seu comeback. Vou preparar o clima corretamente, então favor apresentem seu terceiro mini álbum, assim como o single ‘BOOM BOOM’.
MG: Para esse mini-álbum, mantivemos o anterior “jeito SEVENTEEN”, mas há também um lado em que nos desviamos desse caminho. Durante a época logo após o debut, nós mostramos muito nosso lado radiante e energético, mas trabalhamos duro dessa vez para adicionar um pouco mais de masculinidade a esses lados anteriores. Já que queríamos voltar com um lado mais maduro e maneiro, todos os membros trabalharam muito se exercitando e cuidando de si mesmos de forma consistente. Pessoalmente, gosto de todas as faixas desse álbum. É do meu estilo.
VN: Sinto que esse é o álbum o qual tenho orgulho próprio. Woozi hyung, que participou da produção de todos o nossos álbuns, comentou que sentia que dentre todos os álbuns anteriores, esse parece ser o mais maduro e aperfeiçoado musicalmente. Eu estou muito orgulhoso. Sinto que nos tornamos mais maduros do que antes e me sinto assim tanto em relação aos membros individualmente, quanto aos nossos apresentações.
WW: Acho que posso dizer que esse foi um álbum pelo qual nos importamos muito, musicalmente falando.
Está cheio de músicas que apresentam uma grande variação de gêneros, mas queríamos mostrar que nós 13 somos capazes de experimentar vários tipos diferentes de gêneros sonoros. Já que queríamos mostrar uma música que tem alta qualidade de acabamento, todo mundo trabalhou duro e se preparou para isso.
SC: Eu não achei que os outros membros iriam explicar tão bem assim, estou surpreso! ‘BOOM BOOM’ é uma música que retrata o momento em que nosso coração está batendo enquanto corremos em direção aos nosso sonho. Nós queremos passar essa imagem de um SEVENTEEN apaixonado, já que uma das grandes qualidades do grupo é sua energia. Isso parece ser um processo de crescimento de menino para um jovem adulto.

Eu ouvi atenciosamente todas as músicas do SEVENTEEN essa semana. Eu acho que o início do álbum estava capturando uma imagem nova, brilhante e saudável e gostei muito, mas para o final do álbum, existe uma série de baladas. Estou curioso para saber mais sobre a música da Hip Hip Unit no álbum, 기대 (Lean On Me).
SC: O Hip-hop Team é que usualmente fica encarregado dos raps, mas queriamos mostrar um lado novo nosso para os fãs, e os fãs também queriam isso. Essa foi uma música que já tínhamos mostrado num concerto antes de colocá-la no álbum. Já que somos sempre quem recebe tudo dos fãs, queriamos retribuir com algo. Para ser honesto, muitas pessoas estão passando por dificuldades e estão cansadas agora, certo? Nós queríamos ser uma espécie de recuperação. ‘Apoie-se em nós’* quando você estiver passando por dificuldades.
*Trocadilho com a faixa ‘Lean On Me’ do álbum novo.
MG: Como Coups-hyung disse, não foi uma música que fizemos para o álbum, mas sim para mostrar um lado diferente do Hip Hop Team durante o show. Mas, como muitas pessoas demonstraram amor pela música, nós decidimos acrescentá-la ao álbum.
WW: Fiquei muito apegado a essa música. Quando planejamos essa música, eu gostava do que ela queria passar e o sentimento ao ouvi-la. Eu fico emocionado toda vez que tocamos essa música em nossos shows, então queria muito colocá-la no álbum.

Eu fiquei bem surpreso porque os 4 membros da Hip Hop Unit tem vocais muito bons. Agora vejo que as vozes de vocês são muito legais.
SC: Já que somos pessoas que fazem rap, existem algumas coisas as quais nos sentimos mais confortáveis cantando. A Vocal Unit canta com a responsabilidade de fazer bonito, enquanto nós apenas precisamos cantar confortavelmente, de forma que podemos cantar e combinar com a música sem muitas preocupações.
Todos: Se você achou que nossas vozes são boas, é porque não faz muito tempo desde que acordamos (risos). Obrigado pelo elogio.

Quando eu conheci Woozi no mês passado, ele disse que queria colocar uma música para os fãs na tracklist. Eu estava me perguntando se a balada ‘Smile Flower’ seria uma boa opção.
SC: É isso aí. É uma música criada com palavras que queríamos dizer aos fãs assim como aos nossos membros.
VN: Eu gosto muito da letra dessa música. Como esperado, a melodia é boa e quando a cantamos no exibição do comeback, me senti emocionado.
WW: A música do Woozi, assim como as letras, são admiráveis. As expressões são muito bonitas, então eu ouço com frequência.
MG: Espero que os fãs possam escutá-la e se sentirem reconfortados. Sinto como se, então, posso ser verdadeiramente feliz.

Vocês devem estar felizes de poder subir no palco com uma nova música.
WW: Foi muito legal. E meu coração estava acelerado! Esses dias, eu só consigo pensar que estou me divertindo bastante.
SC: Embora eu estivesse nervoso para a nossa primeira performance, meu coração se acalmou quando vi os fãs sentados. Nós ficamos cansados fisicamente enquanto promovemos, mas minha mente sempre se sente em paz e feliz. Eu prefiro que meu corpo fique cansado (do que a mente).
MG: Eu pessoalmente não me sinto sobrecarregado mentalmente (risos). Estou feliz pois recebi muito amor. E tanto quanto recebo, quero retribuir, mostrando meu melhor lado. Toda vez que estou no palco, penso nisso.
VN: Antes do nosso comeback, eu ficava me antecipando e me preocupava muito. Se isso é um pouco vago, a resposta vem pessoalmente assim que você pisa no palco. Por causa do tanto que as pessoas gostaram, eu senti prazer. Me senti animado.

A Performance Team, que eu conheci primeiro, eram saudáveis, positivos e cheio de espírito de luta como esperado. Eu achei que iam ter muitos membros emotivos na Vocal Unit, mas todos eram inesperadamente brilhantes e fofos. Como são os membros da Hip Hop Unit? Eu pergunto porque tem uma imagem pronta que vem com o gênero hip hop.
SC: Acho que estamos no meio da Performance e Vocal Unit. Como os treze membros do SEVENTEEN, é importante nos misturarmos bem um com o outro. Já que todos os membros trabalham em suas músicas, eles são fortes nas suas ideias individuais, mas criam harmonia dentro do time, SEVENTEEN. Eu prefiro enfatizar nossos pontos individuais positivos, mas acho que é porque conhecemos bem os pensamentos uns dos outros.

Conforme eu assisto as performances do SEVENTEEN, eu sinto que vocês são realmente e firmemente completos agora. Performances, músicas, visual, tudo. Parece que vocês estão seguros do caminho para o sucesso?
MG: Ah, essas são palavras me deixam realmente feliz. Algo como elas são muito boas de ouvir a qualquer momento e de qualquer um.
VN: Acho que me sinto um pouco mais confortável no palco do que anteriormente. Eu estava tenso antes por receio de errar o que pratiquei, mas agora parece que posso, de alguma forma, controlar isso bem, a ponto de conseguir distinguir claramente os rostos dos fãs olhando para nós.
SC: Obrigado. Essas são palavras que realmente me deixam bem. Enquanto promovemos esse álbum, você pode ver que todos os membros aumentaram sua autoconfiança. Eu posso sentir isso quando estamos no palco. A energia dos membros mudou. Porém, a razão para isso ser possível é os fãs. Estou sendo sincero.

Isso não é algo que eu estou dizendo, mas sinto que 2016 vai ser lembrado como um ano muito importante para o SEVENTEEN.
MG: É verdade. Foi um ano em que fomos capazes de passar por experiências que não conseguimos anteriormente. Recebemos um Prêmio de Rookies e tivemos nossa vitória pela primeira vez (em programas musicais) e também realizamos shows. Senti também como se esse fosse o momento em que eu tive confiança pessoal em dizer “Isso é algo que preciso fazer”. Quando eu era um trainee, pensava que você estava pronto após debutar, mas agora é apenas o começo. E sinto que o que marcou esse começo foi 2016.
WW: Eu me lembrarei desse ano como aquele momento em que estamos nos preparando para correr. Foi como o momento em que estamos aprendendo a andar com os dois pés, após darmos o primeiro passo. Eu quero poder mostrar músicas e performances ainda melhores e mais legais. Eu estou num estado cheio de confiança e desejo. Comparando com 2015, é verdade que eu gosto do SEVENTEEN de 2016 mais. Então espero que 2017 seja algo que eu goste ainda mais.
VN: 2016 foi uma época de abrir meu olhos para um novo mundo. Enquanto estávamos fazendo o Tour pela Ásia, eu pude conhecer fãs de várias etnias e me aproximar de novas culturas, acho que pude ter várias ideias. Esses foram momento muito significativos.
SC: Quando debutamos em 2015, eu senti que nenhum momento poderia me deixar mais feliz do que aquele. E por mais que me sinta triste em dizer isso, eu acho que passei momentos muito mais felizes em 2016. Tem esse sentimento incontrolável que você sente quando percebe que está sendo amado por alguém. Experimentamos coisas que não poderiam acontecer se não tivéssemos escolhido esse caminho. Eu posso dizer, confiantemente, que irei trabalhar mais. Eu acho que 2016 será lembrado como um momento de mudança para o SEVENTEEN.

É 2017. Eu quero ouvir as metas ou planos dos quatro de vocês, Mingyu, Vernon, Wonwoo e S.Coups, não do SEVENTEEN. Só as coisas pequenas. Podem ser resoluções curtas também.
SC: Tem algo em que sempre pensei desde que você trouxe esse assunto de resoluções curtas. Eu quero trabalhar ainda mais duro. Diligentemente. Sinto que existe algo em mim que me faz querer ser mais rígido comigo mesmo.
MG: Eu quero cuidar bem de mim mesmo. Eu quero me exercitar e tentar estudar várias coisas. Como se fosse me preparar para me tornar uma pessoa completa (ri).
VN: Penso sobre como eu deveria cuidar melhor do meu corpo, tanto internamente quanto externamente. Para promover de forma saudável, sinto que esse cuidado é necessário. Também quero ler mais livros e entrar em contato com meus pais com mais frequência.
WW: Eu quero ler 50 livros em 2017. É uma meta que quero cumprir não importa o quê.

Recentemente, assisti uma cerimônia de premiação realizado em Hong Kong na TV. Enquanto davam o discurso de aceitação, um dos membros do SEVENTEEN disse “ídolos auto-produtores”, mas essas palavras ficaram marcadas no meu coração. Não é a primeira vez ouvindo essa frase, mas ainda me sinto dessa forma. Eu gostaria de terminar meu projeto de três longos meses conhecendo as units do SEVENTEEN com uma pergunta óbvia. “Ídolos auto-produtores”. Eu espero que vocês meninos continuem investindo nesse método.
Todos: Nós esperamos isso também. Apesar de ser importante ter boas músicas, nós esperamos que nossa sinceridade possa ser retratada, por isso nós mesmo escrevemos nossas músicas e criamos a coreografia. Pode haver um tempo em que apresentaremos músicas de outras pessoas, mas atualmente, pensamos em deixar as pessoas ouvirem apenas as nossas histórias, por hora.

No futuro, vamos nos encontrar com todos os treze membros do SEVENTEEN e fazer um photoshoot. Fiquem bem e saudáveis.
Todos: Parece bom. Obrigado.
MG: Ah, me sinto de alguma forma meio estranho agora que você disse que acabou.

TRAD
cor/ing: wonlywoo, eostower
ing/pt-br: Lais, Isa, Vee – Seventeen Brasil

SCANS: 17graphy (@PROMEMORIA_526)


23/12

Entrevista da Vocal Unit para a revista Dazend and Confused Korea, edição de dezembro de 2016.

Vocês descansaram bastante no outono. Agora é inverno e o ano está acabando. O que acham que estarão fazendo e onde passarão o Natal esse ano?

Todos: Na sala de ensaio, provavelmente. Nós achamos que vamos estar muito ocupados no final do ano. Nossos membros estão todos muito determinados. Estar ocupado é algo bom.

 

Que tipo de papel o Woozi tem como membro do SEVENTEEN é líder do Vocal Team?

Woozi: Eu participo da produção dos álbuns, eu componho músicas e participo da produção em geral. Sou o líder do Vocal Team, mas não tenho a personalidade para isso (como líder). Já não sou bom com palavras e sou mais quieto. Mas os outros membros que são divertidos e soltos ajudam muito. Eu não me sinto sobrecarregado como líder, eu gosto e me sinto feliz com isso.

DK: Ele considera nossos pontos fracos e personalidades, e como líder ele nos apoia com palavras de conforto.

 

Joshua está sorrindo. As fotos saíram boas. Seu coreano é bom também.

Joshua: Eu nasci nos Estados Unidos e morei lá por 19 anos. Eu tive problemas com coreano quando cheguei na Coreia, mas fui melhorando morando junto com os membros.

 

Então, eu tenho observado há 2 meses. Vocês realmente parecem uma ‘família’.

Jeonghan: É assim mesmo. Ouvimos muito isso das pessoas que nos conhecem.

DK: Eu acho que é porque não temos pretensões ou segredos uns com os outros. Essas atitudes (de família) aparecem porque somos muito próximos.

 

No dormitório, todos os 13 estão sempre vivendo juntos, mas já aconteceu de algum de vocês sentir desesperadamente que queria estar sozinho ou desejou seu espaço pessoal?

Seungkwan: Às vezes eu quero ficar sozinho, e quando isso acontece apenas ando de bicicleta ou saio para caminhar. Quando eu estou preocupado ou me sentindo triste, eu resolvo isso sozinho, porque me sinto mal se reclamar disso para os outros membros.

Jeonghan: Tem horas em que se eu quero ficar sozinho, eu só deito na minha cama, no meu quarto, e apago. Eu não gosto de ser deixado sozinho. Eu gosto de fazer caminhadas com o Seungkwan, mas odeio caminhar sozinho. Então eu sempre pego um dos membros e vamos juntos.

Woozi: Eu não sou bom em ficar sozinho, tipo comer e assistir filmes sozinho. Só quando estou produzindo músicas ou escrevendo letras, eu tenho que ficar sozinho. Não é porque eu tenho problemas focando, mas porque você tem que estar sozinho de madrugada para os seus sentimentos verdadeiros aparecerem. Minhas palavras parecem sair melhor. Mas fora isso, eu não gosto de ficar sozinho.

DK: Eu tenho isso de querer ficar sozinho. Eu gosto dessa sensação mas é diferente todo dia. Meus sentimentos dependem do dia em si.

Joshua: Eu gosto de estar sozinho. Eu gosto de pensar sozinho e beber café sozinho na cafeteria. Eu sou do tipo de assistir filmes sozinho. É claro que eu assisto com os membros também.

 

Joshua parece chorar muito.

Joshua: Eu definitivamente não choro na frente dos outros. Só de vez em quando, quando estou sozinho e me sinto muito frustrado. Eu não sou do tipo que expressa bem sentimentos, na verdade, mas por causa dos membros do SEVENTEEN, minha personalidade se tornou muito mais aberta.

DK: Eu vi o Joshua tentando muito mudar. Agora ele faz muitas piadas, e é muito animado.

 

A entrevista está muito sem graça agora? Como vocês são cantores, vocês provavelmente gostariam de compartilhar pequenas histórias e seus sentimentos ao invés de perguntas grandes e formais.

DK: Você parece um consultor e eu me sinto numa consulta então é muito bom? Fico feliz que você esteja escutando nossas histórias com sinceridade.

Seungkwan: Certo. Comparada a outras entrevistas que já fizemos, essa é diferente. É bom.

 

Então vamos continuar com o modo consultor. Assim como Joshua, Jeonghan parece ser uma pessoa introvertida. Mas depois de ver você hoje, você parece cheio de energia.

Jeonghan: Eu realmente mudei muito. No começo eu era completamente introvertido, mas depois de estar nessa indústria e conhecer o SEVENTEEN, minha personalidade mudou totalmente. Eu achei isso fascinante também. Fiquei chocado vendo os vídeos de durante o debut e de agora. Acho que recebi o impacto do trabalho que estou fazendo e das pessoas ao meu redor.

 

Dá para sentir a energia do DK. Você sabe que é bonito?

DK: Eu sou bonito (ri)? Obrigado. Você disse que sente minha energia, eu estou me esforçando para viver positivamente. Eu gosto de me exercitar, sou do tipo que trabalha duro fazendo tudo apaixonadamente.

 

DK tem tido alguma preocupação ultimamente?

DK: Essa é uma pergunta séria, eu tenho estado muito preocupado com cantar. Não ao ponto de uma crise, mas recentemente tenho sentido que não estou indo muito bem, sinto que preciso melhorar então estou preocupado. Eu não ia falar sobre isso já que eles podem se preocupar também, mas os membros aqui são todos vocalistas então eles provavelmente entenderiam meus sentimentos, por isso estou revelando isso. Todos estão me apoiando e me escutando bem.

 

Vocês viram as fotos da <DAZED> da Performance Unit? Estou curioso sobre a reação dos membros.

Todos: Ficou muito legal. Uma sessão de fotos lendária.

 

Apesar de valer para todos os membros aqui, Seungkwan tem um rosto que parece que ele foi muito amado enquanto crescia.

Seungkwan: Eu era o orgulho da minha família (ri). Eu não era bom nos estudos, mas era monitor de classe e recebi vários prêmios. Como eu fui uma criança que nasceu tarde, meus pais me amaram excepcionalmente. Eu sou grato.

 

Woozi, quieto ficou sentado quieto durante entrevista e dando espaço para os outros membros, sua voz fica um pouco mais alta e seus olhos brilham sempre que você fala sobre música ou cantar. Mais cedo, você mencionou que ‘sinceridade’ é importante quando se produz músicas. Você acha que as músicas que você fez são 100% honestas?

Woozi: É impossível ter todas as experiências de todas as letras de todas as músicas. As pessoas que escutam ou cantam músicas, eu sinto que é impossível concordar com todas as letras. O problema é entender as emoções. Eu definitivamente não quero inventá-las. Se você inventa, as pessoas que escutam serão as primeiras a saber que não é real.

 

No último outono, o SEVENTEEN recebeu um bom tempo de descanso. Como vocês passaram?

Woozi: Eu descansei e comemorei o Chuseok. Eu voltei para a minha cidade natal, vi meus pais e descansei enquanto treinava individualmente. O resto aproveitou em lugares pequenos. É claro, eu fui jogar boliche, usar o computador e jogar futsal, brinquei exatamente como se ainda estivesse na escola.

Joshua: Eu fui para os Estados Unidos. Passei muito tempo com a minha mãe. Comi comidas deliciosas, assisti filmes e fui na Disneylândia. Eu passei esse tempo muito bem.

DK: Eu fui para casa ver meus pais e comi comidas deliciosas. Todos os dias na hora do jantar, eu ia até o parque perto da minha casa sozinho de bicicleta, o vento era muito bom.

Jeonghan: Eu também vi meus pais durante o Chuseok e voltei para a empresa, é como se eu não soubesse o que fazer depois de descansar. Eu dormia até tarde o quanto eu quisesse, ia para a sala de treino e treinava. Os membros que estavam brincando também iam junto. É como se nos sentíssemos apreensivos por estarmos descansando.

Seungkwan: Na minha casa, na Ilha de Jeju. Eu fui curado pela comida de minha mãe. O caranguejo marinado dela é realmente delicioso.

 

TRAD

cor/ing: twentyjisoo, boo_universe, xxwoozi, guojeu

ing/pt-br: Ju e Isa – Seventeen Brasil

SCANS: 17graphy (@PROMEMORIA_526)

NÃO RETIRE CONTEÚDO DO SITE SEM AUTORIZAÇÃO.

 


23/12

Entrevista da Performance Unit do SEVENTEEN para a revista Dazed and Confused Korea, edição de novembro de 2016.

Por favor se apresentem como um idol.
Jun: Oi, eu sou o Jun do Performance Team. Eu vim da China e eu sou o mais alto no SEVENTEEN.
Hoshi: Eu sou o líder do Performance Team, Hoshi 10:10. Os Carats me deram esse apelido porque meus olhos tem o formato dos ponteiros do relógio quando marcam “10:10”.
Dino: Sou o pequeno gigante maknae Dino. Eu acho que tenho a maior possibilidade de crescer no SEVENTEEN. Eu também sou inovador no Performance Team.
The8: Eu sou o The8 com potencial infinito. Eu também vim da China e eu sou bom em break dance.

O SEVENTEEN é um grupo que participa pessoalmente na criação da performance. Qual é o papel da Performance Unit?
Hoshi: A Performance Unit do SEVENTEEN participa na criação das coreografias e nas formações do palco. Às vezes trabalhamos com um coreógrafo para a música título, mas as outras fazemos sozinhos. Nós também decidimos as rotas usadas no palco. Além disso, participamos em coisas como escrever raps e cantar.

Todos tem muitas habilidades e talentos, foi sempre assim? Ou vocês tiveram aulas para se encaixar nesse conceito?
Hoshi: O debut do nosso time foi adiado muito. Então, mesmo se fosse para debutar apenas um dia antes, nós tentávamos tudo possível. As crianças que escrevem música faziam isso e a Performance Unit fazia coreografias. Eu acho que a empresa viu o melhor de nós. Nós debutamos com um conceito que não importa se as roupas não combinam entre nós, desde que fiquem bem.

Por causa de seu sistema, seu orgulho é diferente de outros grupos.
Hoshi: Como dançamos nossas coreografias com a nossa própria música, é diferente com certeza.
The8: Certo. Porque gostamos do que fazemos.
Dino: Fazemos o que nos sentimos confortáveis em fazer, então é realmente natural para nós. É algo do SEVENTEEN.

Ouvi dizer que estamos nos encontrando no 500º dia de debut do SEVENTEEN. Estou curioso sobre como vocês se lembram dos últimos 500 dias.
Hoshi: Foi um período feliz e cheio de gratidão. Passou muito rápido. No futuro, acho que preciso prestar mais atenção.
Jun: O tempo está passando rápido. Eu não quero esquecer a energia do meu dia de debut, quero valoriza-la como agora. Por muito tempo.
Dino: Me esforçar com os hyungs para criar um álbum e promover juntos foi muito interessante. Estou aliviado que estamos recebendo o amor de muitas pessoas no nosso 500º dia. Por causa dos Carats, eu fiquei feliz e grato. Tenho que me esforçar mais.
The8: Eu honestamente não sabia que seria tão difícil. Eu queria dizer que eu não sabia que as pessoas podiam ficar tão ocupadas mas agora eu estou acostumado. Mesmo que seja difícil, dizer ‘fighting!’ com os hyungs e subir no palco para ver os Carats me dá forças. Fico feliz quando estou no palco.

Assistir as apresentações do SEVENTEEN me lembra de musicais. Como vocês ganham inspiração e quais são suas influências?
Hoshi: Enquanto me preocupava em como criar coreografias diferentes de outros idols, eu me interessei em danças que contam uma história e usei isso. Eu queria fazer uma apresentação livre e descontraída, e naturalmente tive ideias com elementos de musicais.

Durante a sessão de fotos até a entrevista agora, Hoshi se destacou. Comparado a pessoas da sua idade, você parece mais maduro e ambicioso.
Dino, The8, Jun: Certo!
Dino: Não tem ninguém que não seja ambicioso no SEVENTEEN. Além do Hoshi-hyung ser o líder da Performance Unit, ele tem muita vontade de estar sob os holofotes. Ele também gosta de desafios por natureza.
Hoshi: Eu acho que é minha responsabilidade, como líder da Performance Unit. Eu agradeço muito pelos membros que me seguem e me ajudam.

Quando nós conhecemos pessoas que pisam em palcos, há algo que temos de perguntar. Como você se sentiu na primeira vez que pisou no palco?
Jun: Quando eu estava no palco e a música começou, eu me coloquei em um estado calmo. Eu pensei “Estou fazendo isso direito?”, e quando tudo isso acaba e o público aplaude e nos anima, nesse momento eu sinto como se todos os meus nervos fossem acalmados e meu coração só relaxa.
Hoshi: A sensação é como se eu estivesse em uma caixa que está se estilhaçando aos poucos e de repente há uma luz sobre mim. É algo incomparável. O pensamento de mostrar poder através do meu corpo ou de quanto poder devo mostrar, isso é tudo esquecido quando meus sentidos se vão. É muito empolgante e difícil de explicar.
Dino: Antes do debut, nós treinamos muito com uma câmera que tinha uma luz vermelha. Por causa disso, eu tenho muita vontade de mostrar o meu melhor na frente da câmera. Eu sei que aperfeiçoar a apresentação é importante, mas eu sempre acabo focando em onde a câmera com a luz vermelha está.
The8: Quando estávamos no nosso stage de debut, ao invés de alegria eu só me senti nervoso. Mas agora quando eu estou no palco, é divertido e feliz, é realmente emocionante.

Há alguma coisa que preocupa você?
The8: Ultimamente tem sido calmo. Eu quero ganhar peso. Não importa o quanto eu coma eu não consigo.
Dino: Eu me preocupo em como devo melhorar no futuro, coisas assim.
Hoshi: Eu estou sempre preocupado com o que vem a seguir. Pessoalmente, estou considerando se devo furar minhas orelhas. Eu quero mostrar um lado novo meu mas tenho medo de agulhas.
Jun: Ainda tenho que melhorar em coreano. Eu quero me esforçar mais.

Há algo que aconteceu e você tenha realmente gostado? Uma memória pequena também é bom.
Hoshi: Estou tomando cuidado com minha dieta esses dias, mas eu comi carne escondido com meu treinador. Foi muito delicioso. Quando estou em dieta, eu me dou conta novamente que o mundo é cheio de comidas deliciosas.
Jun: Eu me sinto satisfeito com o que fotografamos hoje. Foi um estilo que geralmente eu não faço, então foi estranho no começo, mas as fotos saíram boas.
Dino: Há alguns dias, eu descobri um novo rapper. Ele é um rapper que eu descobri enquanto escutava Kendrick Lamar – seu nome é Lil Dicky. O fato de conhecer um artista bom que eu não conhecia antes me fez ficar feliz.
The8: Como não é o período de promoções do SEVENTEEN agora, eu tenho um tempo livre. Eu faço compras e jogo boliche. Gosto desse tempo de relaxamento.

Tem algo especial que você tem gostado de fazer ultimamente?
Jun: Eu gosto de livros desde que eu estava no ensino fundamental.
Hoshi: Eu tenho muito interesse em me exercitar. Por causa da dieta, não posso comer muito, então assisto mukbang (T/N: Transmissão onde pessoas comem sendo assistidas).
Dino: Eu não tenho nada. Ainda estou procurando algo assim.
The8: Jogar tênis de mesa. Tem um na nossa empresa então eu jogo tênis de mesa com os membros todos os dias. Eu também gosto de andar de bicicleta perto do rio Han.

Dino, The8, Jun, Hoshi. Vocês atingiram seus sonhos?
Todos: Não, este é o começo.
Dino: Eu acho que posso explicar dessa maneira. Durante os dias de trainee, tínhamos sonhos altos. Mas naquela época, tudo que podíamos sonhar era com o debut. Então depois de debutar, acho que atingi metade dos meus sonhos. A outra metade de meus sonhos eu desejo alcançar com esse time chamado SEVENTEEN.

Uma vez que você se torna um adulto, você não compartilha mais assuntos relacionados aos “seus sonhos”. Porque agora parece que não há utilidade. Mas eu sinto que poderei perguntar aos quatro de vocês que estão na minha frente com um bom coração. O que é um sonho?
Jun: Sonhos… Há muitos. Quando eu acordo, eu tenho um sonho novo, e olhando para esse sonho, eu tenho que viver bem e me esforçar o máximo possível. Mais do que ser uma estrela, eu gostaria de fazer as coisas que eu posso com facilidade e satisfação. Eu acho que isso é felicidade.
Hoshi: Falando com sinceridade, eu quero ganhar muito dinheiro para ser bom para meus pais. Eu quero ser mais popular do que sou agora, e quero ficar em primeiro lugar em todos os programas de música. Até lá, quero que nossos membros fiquem sempre juntos.
Dino: Não sei se é um exagero, mas eu quero ser um artista que ficará marcado na história, com o nome do SEVENTEEN. Eu quero ser lembrado como um artista que tenta coisas novas.
The8: Que o SEVENTEEN fique junto por muito tempo. Eu quero ser mais conhecido e eu gostaria de ganhar mais dinheiro também. Eu lembro vagamente de querer ser uma super estrela desde que eu era pequeno, e quero que isso aconteça.

cr: 1713_1211
TRAD
cor/ing: two_oh_teen, kwonhostar, j1hoon, wonlywoo, nozason
ing/pt-br: Ju, Isa e Belle – Seventeen Brasil

SCANS: 17graphy (@PROMEMORIA_526)

NÃO RETIRE CONTEÚDO DO SITE SEM AUTORIZAÇÃO.


23/12

Qual outra parte de ‘Boom Boom’ fora o refrão é impactante?

DK: Acho que a parte do meu improviso. Eu acho que a melodia da minha parte dá mais intensidade ao último refrão.
JH: “Eu viro de um lado para o outro todos os dias~”
MG: “Você sem eu é zero”.
WZ: Pessoalmente eu gosto de “Você é meu biorritmo”.
DN: Eu acho que a minha parte. Recentemente os fãs disseram que a parte mais impactante é a minha então estou muito orgulhoso.
SK: O rap do Dino. Eu acho muito carismático.
T8: Eu acho que a minha parte. “Hit me, hit me, hit me”, essa parte é bem legal.
SC: Eu acho que é a minha parte! “Você é meu biorritmo”.
J: A parte do rap do Dino. Eu acho que essa parte mostra o charme do nosso maknae fofo.
WW: A parte do ” biorritmo” é a mais impressionante.
HS: “Tem algo que eu preciso te dizer agora mesmo”. Essa parte é fácil e simples de seguir. Isso tem um ponto muito cativante também.
JS: A parte do rap do Dino.
VN: A parte do meu rap.

Escolha um membro que ficou mais bonito e se desenvolveu em termos de aparência durante essas promoções.

DK: Hoshi hyung. Conforme nos preparávamos nesse álbum, eu estive ao seu lado o observando. Hoshi hyung fez muitos exercícios físicos e realmente trabalhou duro para obter um corpo e rosto legais. Eu sempre o acho incrível, mas dessa vez eu percebi, mais uma vez, o quanto ele é realmente incrível. Eu pensei que quero ser uma pessoa que trabalha duro assim como o Hoshi hyung. Eu acho que ele ficou ainda mais bonito depois de perder um pouco de peso.
JH: Jeonghan. Toda vez que lançamos um álbum novo, meu cabelo fica mais curto e especialmente dessa vez eu acho que o meu cabelo ficou bom.
MG: Pessoalmente eu acho que cada um dos membros se desenvolveu bastante. Eles trabalham duro se organizando e acho que todos eles se desenvolveram em relação às suas habilidades também.
WZ: Seungkwan. Ele emagreceu e ficou muito bonito.
DN: Seungkwan hyung. Ele perdeu bastante peso e essa cor de cabelo também fica bem nele.
SK: Seungkwan. Eu acho que fiquei mais bonito depois de perder peso.
T8: The8. Eu tentei mudar a cor do meu cabelo e acabou ficando muito bonito.
SC: Hoshi e Seungkwan. Eu os observo de perto; eles controlam as suas refeições e fazem muitos exercícios físicos.
J: Jun. Vocês podem notar isso se assistirem o MV.
WW: Seungkwan. Ele se administra com força e podemos notar os efeitos.
HS: Seungkwan ficou mais bonito depois de ter sucesso na sua dieta e ele está atraindo muitas fãs durante as promoções desse álbum.
JS: The8. Eu acho que ele ficou mais legal e bonito.
VN: The8.

TRAD

cor/ing: uygnim
ing/pt-br: Andy (Seventeen Brasil)


23/12

Boom Boom ganhou o 1º lugar em programas musicais por três vezes. Seungkwan, você chorou de novo ao ganharem o 1º lugar no M!Countdown?
SK: Não consegui segurar minhas lágrimas! Foi nossa primeira vez ganhando o 1º lugar no M!Countdown e a emoção não foi brincadeira. Tínhamos feito uma performance ao vivo de “Fast Pace” nesse dia e a após ela terminar, era o fim [do programa], eu estava tão nervoso que meio que esqueci a coreografia. Fazia um tempo desde que estive tão nervoso.

Vocês tiveram dificuldades enquanto se preparavam para o comeback?
WZ: Nós tivemos uma reunião e conversamos muito sobre o que seria o melhor a fazer, então acho que estávamos preocupados com muitas coisas. Tivemos que modificar muito a música e a coreografia também. Estávamos preocupados com diversas coisas, então todo o processo até sua conclusão foi bastante cansativo, mas quando a música foi lançada… Os fãs fizeram com que recebêssemos bons resultados e por isso somos muito muito gratos e acho que podemos nos esforçar ainda mais.

Você trabalhou nisso até mesmo enquanto estavam promovendo, provavelmente não foi fácil por conta da sua agenda.
WZ: Mesmo que não estivéssemos promovendo, isso não significa que não temos outros compromissos, e isso não significa que teríamos tempo para trabalhar as músicas; não foi fácil. Mas os membros estavam ambiciosos, então trocamos opiniões e demos várias ideias. Quando ficávamos estressados, ao invés de perguntar “O que devemos fazer?”, perguntávamos “E se fizéssemos isso?”. Não tivemos problemas por não ter ideias, mas porque tínhamos muitas ideias e pensávamos como combiná-las. Então trabalhamos muito até o resultado surgir.
SC: Íamos para casa mais tarde quando não tínhamos atividades de promoção. Saíamos umas 18~19h e até mesmo umas 21~22h no mais tardar.

Parece que a satisfação com o álbum foi alta e que valeu todo esforço de vocês.
WZ: Eu sinto isso, mas e quanto aos outro membros?
SC: Woozi fez as faixas do álbum, então quanto a isso, acho que vai ser um álbum cheio de conteúdo. Os fãs gostam disso então estamos muito satisfeitos.

Como surgiu o título “Boom Boom”?
WZ: Saí para comer caranguejo marinado com Bumzu hyung, num época em que o trabalho [a música] não estava indo bem. Enquanto comia o caranguejo de repente “boom boom boom boom~” passou pela minha mente, então fomos pro trabalho (estúdio) e gravamos imediatamente.. Eu não pensei no que seria bom como título, mas desde que começamos com boom boom boom, achei que “Boom Boom” seria bom e decidimos usá-lo. Ele meio que tem uma alma de caranguejo marinado.
SK: Se “Pretty U” é uma música que foi muito modificada, “Boom Boom” foi uma que saiu quase de primeira e que depois foi pouco mudada.

Como foi a performance da balada que vocês fizeram juntos?
DK: Foi a primeira vez em que nós treze cantamos uma balada. Mesmo quando estava escutando “Smile Flower” enquanto gravávamos, me sentia mais nervoso, porque estávamos cantando uma balada juntos, e feliz, por conseguir mostrar esse nosso lado aos nossos fãs.
WZ: DK sempre me disse isso. Quando o guia para “Smile Flower” saiu, ele queria cantar ela num concerto. Dizia que já podia imaginar isso.
DK: Eu consigo visualizar isso.

Quando vocês cantarem essa música juntos, parece que todos vocês vão chorar.
DK: Já imagino isso acontecendo.
SK: Acho que consigo simpatizar.

A performance de “Fast Pace” foi muito legal.
WZ: É uma música que fiz a uns três anos atrás. A coreografia também foi criada nessa mesma ápoca.
SC: Nós praticamos muito essa música depois de fazê-la. Fizemos também um trabalho com câmeras na sala de ensaios. Acho que fizemos todos os tipos de ensaios com essa música.

BOOM BOOM é a coreografia mais difícil até agora?
DK: Eu acho que é a mais difícil.
WZ: Enquanto estávamos promovendo VERY NICE, eu achava que aquela coreografia era a mais difícil. Naquela época, eu disse que não haveria uma coreografia mais difícil que VERY NICE, mas aí lançamos BOOM BOOM.
SC: Quando estávamos trabalho em ‘BOOM BOOM’, eu comecei a me perguntar (já que sou rapper), “Será que os vocalistas conseguirão fazer bem ao vivo?”. Mas conseguimos!
DK: Sim, nós conseguimos.
WW: As notas são altas.
SK: Mesmo quando tentamos comparar com outras músicas de boygroups, as notas são bem altas.
WZ: É uma música de alto alcance.
SK: Eu falei com Woozi hyung sobre isso, e ele me perguntou “Deveria fazer mais baixo da próxima vez?” mas eu só falei pra ele fazer como sempre faz.

Tem vários membros que trabalham numa única musica. Como vocês dividem o trabalho?
WZ: Nós sempre escolhemos o melhor. Quanto mais membros trabalhando juntos, mais ideias boas podem surgir, então trabalhamos em grupo de propósito. Nós também brincamos bastante. Por exemplo, quando estamos trabalhando num single, ao invés de escrever de uma forma séria, nós fazemos várias piadas. Quando fazíamos uma piada, em que ficávamos “oh? isso parece legal?”, então nós usávamos.
SK: É por isso que para as letras, não é como se porque o Wonwoo escreveu, ele terá que fazer aquela parte. O Vernon pode fazer essa parte.
VN: É isso aí. Está tudo misturado.

Alguns membros escreveram a letra de ‘BOOM BOOM’. Vocês podem me dizer qual membro escreveu qual parte?
SK: Wonwoo escreveu a parte do “ritmo biológico”.
SC: No single desse álbum, Wonwoo participou escrevendo quase todas as partes de rap.
WZ: Nós sempre escrevemos e depois removemos, então não me lembro exatamente quem escreveu qual parte.

Quem escreveu “Eu vou indo dois passos de cada vez, eu vou te abraçar com toda a minha força?”
SK: Woozi hyung e Bumzu hyung escreveram juntos.
WZ: Era originalmente “indo um passo de cada vez”, mas não é óbvio demais? Então, dois passos!

Parece que dessa vez tem membros que são novos participantes na hora de compor (melodias).
Todos: Hoshi!
WW: Hoshi e Mingyu!
WZ: Hoshi tentou compor ‘Highlight’ pela primeira vez. Mingyu também participou em escrever ‘Beautiful’. É interessante porque, originalmente, nós deixamos os dois versos de rap do Mingyu em ‘Beautiful’ vazios. Eu perguntei a ele: “Espero que você possa escrever o rap pra essa parte, mas eu também espero que você consiga fazer um rap meio melódico.” Mingyu escreveu as letras, mas eu escrevi a música também. Porém, parecia tão legal, que eu resolvi acrescentá-lo como compositor também.
MG: Eu fiz sem perceber… Ah, obrigado.
WW: Fofo.
WZ: Eu falei pra ele escrever a letra do rap mas então ele veio e me mostrou uma música!
MG: Ao invés de dizer que eu compus, eu só pensei nisso como se estivesse escrevendo um rap. Mas já que ele disse que eu compus também… Oh, obrigado!
SK: Em relação ao Hoshi hyung, eu acho que ele ficava muito preocupado com a Performance Unit. Durante a APAC Tour, ele voltava para o hotel se perguntando o que a Performance Unit deveria fazer e era bem ambicioso. Acho que foi em Jakarta… No quarto de hotel, ele ligou para Bumzu hyung e o mandou uma música de referência. Ele fez a música com bastante sinceridade… Até a coreografia!
WZ: Ele ficava me perguntando sobre isso durante a turnê pela Ásia. Eu falei que ele deveria tentar, já que ele é bom.
SK: Enquanto eu vejo ele fazendo isso, eu acho que o hyung é meio louco. Quando ele está focado em alguma coisa, ele vai fazer apenas aquilo.
WW: Ele é um monstro!
SC: Quando Hoshi está imerso em algo, ele tem que terminar aquilo.
WZ: Ele disse, brincando, que já pensa em um álbum solo. (O nome do álbum) é ‘H’.

Os membros chineses também escreveram letras em chinês.
T8: Nós dois costumamos traduzir uma música em coreano para chinês. Dessa vez, tem um rap na música que era originalmente impossível de se traduzir. Eu pensei, então, em escrever letras em chieis ali. Então, escrevi!
J: Na verdade, tem algumas letras em chinês numa música que a Performance Unit apresentou durante um show.
WZ: Quando estávamos fazendo a música que a Performance Unit iria apresentar no show, eu disse para eles que seria legal se tivessem letras em chinês. Parece que eles estão trabalhando nisso desde então.

A característica do SEVENTEEN é colocar músicas de cada uma das units no álbum. Vocês tem elogios para a música de outra unit?
WW: Eu ouço ‘Don’t Listen in Secret’ com mais frequência do que eu ouço ‘Lean on Me’. É uma música emotiva que eu gosto.
SK: Jeon baladas.
WW: Eu ouço mais ‘Don’t Listen in Secret’ e ‘Highlight’. Eu gosto de baladas.
SK: Wonwoo hyung ouviu a nossa música e disse: ‘Woozi é bom em fazer músicas desse tipo’ e disse que é bem legal.
DK: Eu gosto de todas, mas quando eu ouço ‘Highlight’ me dá vontade de dançar. Eu danço internamente.
DN: Como o rapper de nossa unit, quando eu ouço ‘Lean on Me’, eu sinto que a música é bem madura. É legal de ouvir, então eu continuo cantando e se torna bem viciante. Eu pessoalmente ouço a música da Hip Hop Unit com frequência.

Mingyu estava com o cabelo laranja no MV de Check In, certo?
MG: Eu fui ao salão para a gravação do MV. Eu tive uma transformação intensa então quando olhei para o espelho, eu fiquei chocado. Os membros estavam surpresos também e ficaram meio “O que é isso…”. Eu recebi um monte de apelidos: Tangerina, Miero Fiber (bebida coreana laranja), Cocomong.
Membros: Kim Mingyul (tangerinas)
MG: Aquele cabelo me deu muitos apelidos. Foram memórias legais!

O cabelo do Wonwoo no MV de BOOM BOOM também era bem chamativo.
WW: Foi minha primeira vez usando aquela cor de cabelo, então não sei se combina comigo.

Porque você não promoveu com aquele cabelo?
WW: Uh… Eu também não sei… Por que meu cabelo mudou?

TRAD
cor/ing: uygnim
ing/pt-br: Vee, Lais – Seventeen Brasil

NÃO RETIRE DO SITE SEM AUTORIZAÇÃO.